O ministro Herman Benjamin homologou a delação premiada da proprietária da agência Pepper Interativa, Danielle Fonteles. De acordo com a Associação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, este foi um dos primeiros acordos de colaboração premiada comandados pela PF a serem homologados por um tribunal superior. A colaboração foi firmada no âmbito da operação Acrônimo, que apura suspeita de esquema de desvio de dinheiro público para campanhas eleitorais.

Deixe uma resposta